quarta-feira, 18 de julho de 2007

Gajos de bolsa

Para mim, a coisa começou com o Álvaro Cunhal. Recordo-me de vê-lo na TV, sempre de bolsa preta na mão. Talvez se lembrem, até chegou a correr o boato de que trazia lá dentro um rolo de papel higiénico.
Desconheço o que realmente transportava Cunhal, só sei é que essa estúpida moda masculina de usar bolsa não tem parado de aumentar.
As mais horríveis são aquelas de apertar à cintura, como a que o meu sogro usa. Aqui há dias a minha Sofia ofereceu-lhe uma bolsa nova. Ainda tentei ajudar a escolher o novo modelo, na esperança de encontrar alguma que fosse vermelha, com o emblema do glorioso bem destacado. Mas o velho sportinguista fez questão de sublinhar que preferia a sobriedade do preto e lá lhe fizeram a vontade.
Infelizmente, a Mekinha interpretou o meu interesse em escolher a bolsa para o pai dela como um sinal de que também eu desejaria semelhante peça de mau gosto para mim próprio.
Recentemente fiz anos e agora trago a tiracolo uma bolsa a dizer Camel Active, oferecida com todo o carinho pela minha amantíssima esposa.
Mal parece não usar a bolsa e agora o Barradas goza comigo, diz que é uma bolsa abichanada.
Claro, disso não tenho dúvidas. Mas notem que ao menos a bolsa tem a dizer Camel Active. Entendem ? Não diz Camel Passive. Portanto… podia ser pior.
.
Últimos desenvolvimentos: Perdi a bolsa...

8 Comentários:

Anonymous Anónimo disse...

Um texto de profunda inspiração, sobretudo numa época em que o número de Camels assumidos está a aumentar.
A música foi bem escolhida.
Mais músicas e reflexões sobre a dança da vida andam por aí à solta.
Sugiro:
http://www.bailedesexta.blogspot.com/
http://salsabraga.blogspot.com/

Só Camels muito activos tem coragem de gostar de Salsa, etc.

18/07/2007, 14:30:00  
Anonymous Anónimo disse...

Já agora, esqueci-me de referir uma música genial, quer tirei do http://www.bailedesexta.blogspot.com/

Arrisco o pescoço e mais o resto em como o Bino vai adorar:

http://www.youtube.com/watch?v=dHpSCHxb780&mode=related&search

Cumprimentos ao guru Bino.

18/07/2007, 14:42:00  
Anonymous Anónimo disse...

�s Benfiquista (equipamento ROSA), arrancas pelos dos tomates e usas bolsinha � tiracolo, quando come�ares a fazer ginastica aerobica avisa para te dar um fatinho de licra rosa (� benfica)

20/07/2007, 11:51:00  
Blogger alma disse...

Começa-se e depois algo acontece...
Abraço da Alma

23/07/2007, 16:25:00  
Blogger Mikas disse...

Ah gostei dessa do activo / passivo... bem analisado. Beijokas e bom fim de semana

27/07/2007, 17:56:00  
Blogger umquarentao disse...

^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^
MANIFESTO PRÓ ÚTEROS ARTIFICIAIS
^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^

Existem muitos machos rejeitados pelas fêmeas que se estão a borrifar para serem uns ‘eleitos’ (leia-se, aqueles escolhidos pelas fêmeas), ou para serem uns palhaços (leia-se, aqueles que adoram ‘caçar’ fêmeas economicamente fragilizadas (mais dóceis)… oriundas de sociedades mais pobres)! Estes machos apenas reivindicam o seguinte: as Sociedades Tradicionalmente Monogâmicas têm de assumir a sua História!!!
De facto:
- Nas sociedades tradicionalmente poligâmicas apenas os machos mais fortes é que têm filhos.
{nota: nascem, aproximadamente, 50% de bebés do sexo feminino e 50% de bebés do sexo masculino }
- Nas sociedades tradicionalmente monogâmicas apenas uma percentagem reduzida de machos é que não tinham filhos; no entanto, como seria de esperar, com o fim do tabú-sexo, a percentagem de machos sem filhos aumentou imenso nestas sociedades.
Ora, sem hipocrisias, as sociedades tradicionalmente monogâmicas devem ASSUMIR a sua história!!! Consequentemente, nas sociedades tradicionalmente monogâmicas:
- ÚTEROS ARTIFICIAIS: deve ser considerado uma Investigação Cientifica Prioritária!
- PROSTITUIÇÃO: deve ser considerada uma actividade a custos controlados, para que os machos rejeitados pelas fêmeas possam ter acesso a uma prostituição mais acessível (comparticipada pelo Estado) financiada pelos lucros da prostituição média/alta.


P.S.
Felizmente, a parte mais difícil do problema já está ultrapassada!!!
Ou seja, a questão ética/moral já está ultrapassada!!!
De facto, hoje em dia já ninguém reconhece às mulheres autoridade moral para reivindicarem (para elas) o MONOPÓLIO DA DECISÃO de quem é que possui, e de quem é que não possui, o Direito de ter filhos!
Agora é só esperar que a investigação cientifica, mais tarde ou mais cedo, venha a resolver o problema… para que todos os homens (de boa saúde) possuam o Direito de ter filhos.

28/07/2007, 07:15:00  
Blogger heidy disse...

lololololololol Só tu!

Essa do activo... bino bino... tem muito que se lhe diga! lol
Quanto aos camels, nõ foi uma fórmula inventada pelo tal ministro, que diz que abaixo do tejo não passa de um deserto? hum hum?

besus for the cat

06/08/2007, 13:24:00  
Blogger Flávio disse...

A minha está sempre vazia.

12/09/2007, 15:35:00  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial