segunda-feira, 30 de julho de 2007

A história dos meus amigos (Parte 1)

Domingos era um afamado enfermeiro cá da terra, cuja experiência em práticas curativas remonta aos tempos em que se iniciou como enfermeiro improvisado na Guiné, durante a guerra colonial.
Barradas, que é sobrinho do Domingos, quando era jovem, via no tio uma espécie de herói e modelo a quem imitava e seguia para onde quer que Domingos fosse. E Domingos ia para muito lado, porque naquele tempo, no exercício das suas funções, Domingos costumava acompanhar o grande Tito de La Lomba, fenomenal novilheiro português natural do Entroncamento.
Domingos prestava preciosos serviços de enfermagem a Tito, que muitas vezes (muitas mesmo) durante as suas actuações pelas arenas de Portugal e Espanha, sofria tremendas colhidas e cargas de porrada de animais com cornos, nomeadamente novilhos, touros e maridos de namoradas casadas.
No Inverno, época em que na península ibérica não se realizam touradas, Tito de la Lomba, ganhava a vida como amestrador de feras no circo Romagnoli,.
O Grandioso Circo Romagnoli, vivia naquela época os seus tempos áureos, desde que o Sr. Cabrita, brilhante empresário algarvio radicado em Vila Nova da Barquinha, o havia adquirido a Dom José Romagnoli, na condição de manter a empresa com o nome do seu fundador.
Da falência iminente ao apogeu, foi um curto espaço de tempo. Sob a direcção de Cabrita o Circo Romagnoli contava agora com algumas das figuras maiores da arte circense nacional. Havia uma família de trapezistas, os fabulosos irmãos Aparício, que por acaso até são meus primos e que disputavam com Tito de La Lomba, o lugar de principal figura do espectáculo.A rivalidade entre os Aparícios e Tito era imensa. Ambas as partes tentavam superar-se constantemente, apresentando números cada vez mais arrojados e perigosos. Mas a rivalidade ultrapassava o espectáculo na pista, pois um dos Aparícios, Luís, disputava ferozmente com Tito o coração (e os favores sexuais) de Stephanie, a contorcionista da companhia.

(Continua quando tiver paciência para contar o resto)

Etiquetas: , , ,

9 Comentários:

Blogger Fernando disse...

Ora pombas, Bino!!!
a estória ficando boa, a possibilidade de acontecimentos pecaminosos se avizinhando e tu nos deixa à deriva, a esperar tua próxima disposição para escrever?
Comporta-te, sujeito!
abraços expectativos
fernando cals

31/07/2007, 21:00:00  
Blogger Fatelas disse...

Obrigado pela visita, Bino, e pela força...

... mas vê se não demoras muito pra contar o resto da história!

abraço fatela

01/08/2007, 13:21:00  
Blogger heidy disse...

Xiça!!!!! Quando as coisas se tornam libidiniosas... pimba! Cortas! Começo a desconfiar... de que atrás deste personagem por ti inventado se esconde um "freiro" (sem enganos). lol

besus for the cat

06/08/2007, 13:28:00  
Blogger Tia Concha disse...

Guru faço aninhos, muito importante relembrar!hehehe

Mesmo súbtil!hehehe

07/08/2007, 23:07:00  
Blogger pisconight disse...

Boas!!
Apareces aqui:

http://youtube.com/watch?v=P8pwjNrk9PI


É uma reportagem sobre blogs!!
Um abraço.
;)

09/08/2007, 09:03:00  
Anonymous Anónimo disse...

Agora sim, parece o fim! Que o homem não nos escreve mais, nesse blog, quiça em outro???

14/08/2007, 18:24:00  
Blogger Carlos Barros disse...

gosto muito de vc leãozinho..lalalalal
então pá qcomo estás?
aqui vai do pior...
e como o udão está pior que nós..que se lixe..

abraço...amigo bino

15/08/2007, 00:55:00  
Blogger NETMITO disse...

AHAHAH JESUS AMA ESTE BLOG E EU TB.
ABRAÇO.

17/08/2007, 20:56:00  
Blogger heidy disse...

tás de férias pá?


besus dos algarves!

20/08/2007, 17:17:00  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial